segunda-feira, 31 de março de 2008

Pronto, sou S

Cá vai um inquérito que por aí anda a vaguear....Espero que, com as minhas respostas, vos inspire nas vossas lutas contra os quilos! Coragem para ler!!!!

a. Qual seu apelido? (aqui em Portugal é alcunha)
Não é bem alcunha. Tenho uma espécie de diminutivo que perdura desde os temos de escola primária em que eu era (e continuo a ser) uma das mais baixinhas: Sóninha (pronto, já sabem o meu verdadeiro nome). O mais frustrante e fofo ao mesmo tempo é que, hoje em dia, os pirralhos e pirralhas do sítio onde vivo com 10,11,12 ou 13 anos (ou menos) todos me chamam assim. Tipo, ‘sou muito mais velha de vocês, yah???’

b. Qual sua altura?
1,63. Nunca me senti incomodada por isso.

c. Qual seu peso actual? Coloque a data de hoje.
Bem, na semana passada estava com 65. Hoje é segunda e passou-se um fim-de-semana com uma pré-festa de aniversário e um churrasco de aniversário em minha honra. Ou seja, hoje passei bem longe da balança. Logo, dou-me ao luxo de não responder a esta questão.

d. Qual o maior peso que você atingiu? Com quantos anos? Como era sua vida nesta época?
Foi no último Inverno: 75 quilos na minha balança (sempre me guiei por ela). Com 26 anos. Tinha uma vida aparentemente feliz: namorado, alguma estabilidade emocional, familiar e financeira, mas o Inverno para mim é um drama. Fico com a energia em baixo, só me apetece comer e dormir. Ah, e o facto de ter namorado desde Maio de 2007 também contribuiu para engordar com fins-de-semana na ronha em casa, no sofá à lareira, comidinha da sogra, sobremesas a todas as refeições, enfim, inércia total.

e. Qual o menor peso que você atingiu após adulta? Como?
Foram 60 no Verão passado. Não me lembro como mas teve a ver com um acompanhamento psicológico e anti-depressivos que tomei pela primeira vez devido às minhas tendências bulímicas/alimentação compulsiva. Este ano estou com outro tratamento mais leve, menos viciante (detesto químicos) e mais eficaz.

f. Quando iniciou seu blog?
Tenho que ir ver, mas julgo que foi a meio do mês de Janeiro de 2008.

g. Quando você iniciou a reeducação alimentar? E o que te fez iniciá-la?
Uma semana antes de começar o blog. Aumentei as doses de água ingerida, mentalizei e foquei os meus objectivos. Treinei o meu cérebro de modo a dizer ‘não’, a preferir comida saudável, a deixar de lado fritos e doces e a sentir-me bem por fazer isso. Acho que é muito importante treinarmos o nosso cérebro nesse sentido, ou seja, terminarmos a refeição e pesarmos: “Boa Luna, comeste saudavelmente e conseguiste resistir. Os outros comeram o que quiseram. Se engordam ou não o problema é deles. Só tudo podes cuidar de ti”.

h) Tem alguma foto da época do início de seu processo de reeducação alimentar?
Não. Não tenho tirado fotografias nenhumas. Sempre gostei de me fotografar (gorda ou magra) mas chateei-me com as máquinas digitais. Só voltarei a dedicar-me mais à fotografia quando comprar um portátil só para mim ou uma câmera analógica xpto.

i) Quanto você pesava no inicio da RA? E qual a sua meta?
Pesava 73 e quero chegar aos 60, pelo menos no final de Maio. O ideal seria chegar aos 58 que é o peso ideal para a minha altura. Mas, ACIMA DE TUDO, QUERO CONSEGUIR MANTER OS 60 DURANTE TODO O ANO e não andar sempre a oscilar entre os 60 e os 70. É mau demais para o organismo.

j) Como é sua RA?
Evitar tudo o que sei que faz mal: fritos e doces. Comer em menores quantidades aquilo que faz menos mal e comer em maiores quantidades aquilo que faz muito bem e que raramente comia. Beber ainda mais água. Não falhar a minha medicação. Fazer exercício pelo menos duas vezes por semana (agora como mudou a hora, fazer mais). Manter uma atitude positiva. Não me enervar para não ter compulsões.

l) Quais foram os momentos mais difíceis?
Festas familiares, Páscoa, aniversários, churrascos variados. É difícil fugir quando só há para comer carne de porco assada, pão, batatas fritas de pacote, sumos e cerveja. Aí a solução é comer pouco e muito lentamente para acompanhar o resto do povo.

m) Quais os momentos mais felizes durante todo o processo? Tem fotos deste momento???
Quando vesti umas calças de ganga depois de lavadas sem ter que me deitar na cama para abotoá-las!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!! O meu gaijo estava ao pé de mim e ficou parvo a olhar quando dei uns berros e uns saltos de alegria eufórico-parva. Estavam mesmo larguinhas como eu gosto!
Nota: Ainda lá tenho dois ou três pares que vão ter que me servir até ao Verão (mas essas podem ficar justas, têm desculpa).

n) Quais os artifícios "extras" que você utiliza no seu processo?
A medicação, a minha mente e o meu gaijo.

o) Já tomou remédio para emagrecer? Como foi?
Ui….como pseudo-bulímica (não de provocar muito o vómito) já gastei rios de dinheiro em produtos naturais para emagrecer. Mas nunca cheguei ao fim de nenhum frasco. Ridículo não é? Algas, chás, cápsulas (daquelas para tomar meia hora antes da refeição com muita água), pastilhas que incham no estômago, Herbalife, enfim….por aí fora...Nunca concluí nada. A minha médica até me chegou a passar o Reductil. Paguei-o. Tomei durante umas três semanas, não vi resultados e desisti…Que falta de paciência típica de carneiro!!!

p) Qual o exercício físico que você mais gosta de praticar?
Localizada. Adoro sentir os músculos a trabalharem. Mas gosto de tudo um pouco. Ainda ontem (na festa do meu aniversário, reparem!!!) estive com todos os meus amigos, 8 pessoas a jogar andebol! Diverti-me à brava! Só detesto correr, tipo, jogging! Altera-me o sistema todo, abana tudo lá por dentro!!!!! Blarg!!!

q) Qual o seu maior conselho para as amigas blogueiras?
Epá….não desistam. Não caiam em cantigas. E sugiro que leiam este livro: A Arte da Simplicidade. Também fala em alimentação (mas é preciso peneirar a informação que é extrema nalgumas situações!) e apesar de o ter lido antes de ter iniciado a minha RA ajudou-me em muitos aspectos da minha vida. A ser mais simples, dar menos valor a materialismos e a conseguir viver melhor em sociedade dessa forma.

r) Se você pudesse entrar numa máquina e sair com o corpo dos seus sonhos, que corpo seria este?
O meu. Mas sem as gorduritas a mais, a celulite que já começa a aparecer e sem as estrias provocadas pelo engorda/emagrece anual.


Espero ter contribuído. Agora é a vossa vez! Inspirem-se e inspirem-me! Beijo

5 comentários:

Chou disse...

Confesso que estou tentada a comprar o livro que aconselhaste pois (e eu sei que vou parecer uma maníaca a dizer isto) a mulher viveu vinte e tal anos no Japão *¬* lol Mas não é a única razão, claro! ;D Pelo que eu entendi, esse livro parece dar conselhos valiosos a quem quer atingir o equilíbrio interior como eu (uiui!) e por isso vai pra minha lista com certeza! Acho que vou ficar pobre se continuar a adicionar livros à minha lista, que já conta com n ésimos exemplares =_=''

Eu vou parecer muita estúpida a perguntar isto, mas o que querias dizer com "sou S"? Já ouvi isto várias vezes mas nunca percebi ;___; Xou uma eignoranhte! *snif snif*

Bisu**

Tágide disse...

Parabénssssssss tinha que dar atrasados para naum podia dar antes nem no dia é hj.
Então e os 3 que se foram à vida foi fácil, kkkkkkkk espero que sim, beijufasssssss

Ana Sofia disse...

bem, hj tinhas um convite no meu blog para responder a esta mesma entrevista... Paciência! Antecipaste-t... Kt ao resto tás d parabens e só espero que doravante poxas continuar a dizer k é fácil perder exe peso!!!

Bj

Luna Leve disse...

Sim, Chou, ela viveu no Japão mas de uma forma muito Zen lá nos confins...e pelo que percebi, não sei se é bem essa a tua onda. A tua onda não é japan vanguardista/rock/diferent/pink/meio doido/metalic????

Sobre o S, foi simplesmente o facto de eu ter revelado, à conta do questionário, o meu nome verdadeiro na parte do apelido (alcunha)=Sóninha, logo sou Sónia, mas aqui sou Luna.

Hasta hasta hasta hasta!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!! enjoy the sun!!!!!!!!!!!

ximiusa disse...

mto bem luna! entao agora k em 2 mesinhos ja t portaste tao bem vais ver k teras o sucesso pretendido.
e sobre a depuralina eu inda n tenho mto k contar mas começa a falar-se nao tanto pelo lado positivo. aguarda antes d t meteres nisso. digo eu