terça-feira, 11 de novembro de 2008

Pedras no caminho

O que fazer quando se chega a casa à meia-noite, depois de um dia de trabalho demolidor para os neurónios e três horas de formação, e se encontra um pai na cozinha juntamente com cinco batatas doces da horta dele assadas na cloche (ou lá como isso se escreve)??? Hum?

Resposta: Come-se uma taça de muesli com leite de soja e abocanha-se meia batata doce. Só para tirar a comichão do cheiro no nariz. (Bolas...já tou na cama e o cheiro instalou-se-me no quarto)

Juro que tentei perceber se ela (a batata doce) é ou não muito má. Aqui parece que não...

Tou parvazeca hoje, vou dormir...

6 comentários:

Debi disse...

ola Luna,
nossa tem tanto tempo que eu não como batata doce, lembro-me criança, na epoca das festas juninas comendo batata doce feita na fogueira, era bom demais. tem ãnos que não como mas ainda consigo lembrar direitinho daquela batata doce.

Bjinhusss
Debi

Jojozinha disse...

E pensas que tb nao é isso q eu faço sempre? :)
aiiii!
beijinhos***=)

Bintxa disse...

Não gosto de batata doce ;) A isso consigo resistir! LOL Mas se comeste só meia, não deve haver crise! Descansa mulher! Bjkssss.

Ana Bastos disse...

;))) ai ... isso é um atentado a alguém que chega a casa cheia de boas intenções!!!
também gosto muito de batata doce... é um "cadinho " calórico!!!

resto de bom dia para ti!!!

bjinhu

Tágide disse...

Adoroooooooooooooooo batata doce.
O meu padastro cresceu em Cabo Verde e ele ensinou-me a comer desfeita dentro do leite e com um pouco de mel.
OMFG agora fiquei com desejos, aiiiiiiiii.
Beijufas e tb não se come batata todos os dias, se não fazemos o gosto ao dente de vez em quando acabamos neuróticas

jorge_m. disse...

Olá,
realmente é complicado, mas é pensar que amanhã é um novo dia, e resististe bem às batatas doces.

bjs