quinta-feira, 14 de abril de 2011

E hoje tenho tanto que desabafar…

Eu não sou mulher de desistir. Nunca. Mas hoje no ginásio, e após uma longa conversa e troca de ideias com o meu treinador (com quem não estava desde há quatro semanas quando se despoletou esta coisa da hérnia discal em desenvolvimento) senti-me pequenina, impotente, fraca e com vontade de mandar tudo ao ar!

Ou seja, a partir de agora o ginásio é para mim, em primeiro lugar uma questão de saúde e só em último, uma ferramenta para perder peso.

O meu circuito de treino vai ser alterado de forma a não correr e a não efectuar exercícios que esforcem a coluna ou magoem a zona lombar. Vai ter o principal objectivo de fortalecer a zona lombar e abdominal para que eu fique com uma boa sustentação nessas zonas devido à hérnia discal, ou seja, a partir de agora a palavra de ordem é fortalecer. Fortalecer a musculatura para que na vida e no dia-a-dia consiga fazer frente à hérnia e evitar que ela desenvolva, mantendo uma postura correcta conseguida com a boa base muscular. Entendem? (acho que já me baralhei toda…)

É óbvio que reforcei ao treinador a ideia de que ainda quero perder peso e isso não ficou esquecido. Mas aconselhou-me “calma e muita paciência”. E eu aqui gritei por dentro: “Mas eu sou a pessoa mais impaciente e com falta de calma que conheço!!!”, e desanimei. Ainda estou a digerir tudo. Nunca mais vou poder correr livremente por onde quiser…só devagar e em piso direitíssimo….isso mata-me!

SHIT!!!!!!!!!!!!!!!!

Mas não desisto. E vou pesar 64kg no início de Junho.

Para finalizar e cumprir uma das tarefas do Desafio Primavera, dizer que, até agora, e não contabilizado o número que aparece na balança, só posso fazer um balanço positivo. O desafio obrigou-me a beber mais chá, não esquecer de beber água e lembrou-me as maravilhas da meditação que pretendo voltar a fazer diariamente e não só de vez em quando.

Beijos, lindas!

5 comentários:

mónica disse...

antes de mais tens que pensar na tua saúde porque sem saúde nada mais faz sentido. Acho que se fizeres tudo correcto a recuperação não será muito demorada e ai sim pensa em correr etc. Se controlares a alimentação e beberes mta agua consegues perder peso mais lentamente mas consegues. vá lá força nada de desanimar. bjs

Su disse...

Não desesperes querida pois eu também tive essas indicações o ano passado quando amamentava e aumentava de peso a cada passo. Nada de impacto na coluna e nos joelhos, proibiram-me até step e caminhada. Fiquei desesperada mas depois de arrancar alguns cabelos decidi meter-me numa elíptica (única coisa que me autorizaram a fazer) e deitei mãos e pés "à obra". Rápido percebi o estrago que a gravidez havia feito e de que eles falavam.
Hoje, passado cerca de dez meses, já voltei a fazer caminhadas com cuidado, continuo com a elíptica e faço step na wii. Faço Pilates que me tem ajudado bastante no fortalecer dos músculos e faço ginástica em casa dentro do que posso fazer.
Correr nunca consegui devido á coluna e pés mas vou continuar a lutar por aquilo que posso fazer.
Sei que vais fazer a mesma coisa e por isso arranca alguns cabelos (tens direito, :-P) e depois continua na luta.
beijocas guerreira

Da gordura à formosura disse...

É claro que não desistes! Vais ver que tudo se vai resolver, a saúde em primeiro lugar.
Beijinhos e força ;o)

Borboleta Azul disse...

o importante é não desistires, a tua saúde é mais importante que um número na balança...
beijos
força

Joana disse...

Nada de desistir mesmo! Estou contigo linda, e vamos motivar-nos uma à outra sim! :) Tu consegues, há exercícios que podes fazer (pelos vistos já estás bem informada sobre quais!), investes na água e no chá também, e até Junho perdes os 4kg :) Entretanto, mantém a saúde em primeiro lugar. Como costumas fazer a tua meditação?

Beijinho grande e força, gosto de ti *